DESIGN – Vai uma água fashion aí?

Fonte: Portal AMANHÃ
Guto Mocellin, presidente do Conselho de Administração da segunda maior envasadora de águas do Brasil, a paranaense Ouro Fino, aposta na sofisticação das embalagens como estratégia de diferenciação

Durante os desfiles do Fashion Rio, na semana passada, a fabricante de moda praia Lenny distribuiu garrafinhas de água mineral personalizadas com sua marca. A ação de cross branding, na verdade, não deixou em evidência apenas a Lenny, mas revelou também uma estratégia de marketing da Empresa de Águas Ouro Fino. Dona de cerca de 3% do mercado brasileiro de águas – altamente pulverizado -, a empresa, cuja sede fica em Campo Largo (PR), tem como maior concorrente o Grupo Schin. No Paraná, é líder absoluta de mercado com mais de 60% de share.
Segundo estimativas, a Ouro Fino faturou pouco mais de R$ 70 milhões em 2008. Grande parte do crescimento experimentado nos últimos anos – no ano passado foi de 20%, e, em 2007, 12% – é atribuído a processos de inovação ligados à sofisticação das embalagens. “Água é uma commodity, então resolvemos intensificar investimentos em design e marketing para nos diferenciarmos”, explica Guto Mocellin, presidente do Conselho de Administração desde 2003 e membro da terceira geração da família fundadora da Ouro Fino.
As investidas no visual dos produtos têm garantido bons resultados. Hoje, são 27 tipos de embalagens de água, alguns inclusive reconhecidos internacionalmente. É o caso do galão de 5 litros: a embalagem Blue foi agraciada com o prêmio de melhor design de bebida não alcoólica durante o Congresso Mundial de Embalagens de 2006, na China. Além disso, a empresa foi a primeira indústria brasileira do setor a receber a certificação NSF (National Sanitation Foundation), organização internacional que avalia a qualidade dos produtos, processos industriais e sistemas de desenvolvimento sustentável que preservem os recursos naturais.
Entre as quase 30 variedades de produtos comercializados pela Ouro Fino, as águas com sabor merecem destaque por sobreviverem competitivas num nicho de mercado considerado difícil. “Muitas outras empresas lançaram águas com sabor e não tiveram sucesso”, explica Mocellin.
Hoje, a Ouro Fino fabrica quatro tipos de água saborizada. “Acredito que o consumo deste tipo de produto sofre uma curva. No começo, é novidade, as pessoas experimentam… mas depois passa”, diz o empresário. Ainda assim, as águas com sabor representam atualmente uma parcela significativa do faturamento da empresa – algo em torno de 10%.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s