DESIGN: Que tal deixar sua cidade mais interessante?



O mobiliário urbano cumpre funções tão importantes nos espaços públicos das cidades que sua ausência é imediatamente percebida pelas pessoas. Na verdade, sua ausência pode transformar uma visita a um lugar em uma experiência incômoda, muitas vezes fazendo com que não tenhamos vontade de voltar.
Uma vez que as pessoas saem de suas casas, utilizam bancos, lixeiras e bicicletários – onde estes existem – e, à medida que escurece, se sentem mais seguras em ruas iluminadas. No entanto, em alguns países, já existe uma preocupação em implantar nos espaços públicos equipamentos que, além de satisfazer as necessidades dos habitantes, sejam também um elemento estético.


1. Bicicletário Giant Comb

Nas ruas de Roanoke, no estado de Virginia, EUA, existe um incrível suporte para bicicletas que combina funcionalidade com arte. Trata-se de um enorme pente de madeira feito à mão que pesa 181 quilos. Para estacionar uma bicicleta, as pessoas devem amarrá-las a um dos fios metálicos que passam entre os dentes do pente.



2. “The Rolling Bench”

O escritório de design Sungwoo Park criou um banco que pode ser a solução para um problema muito freqüente. Toda vez que para de chover, as pessoas não descansam ao ar livre porque tudo fica molhado. No entanto, este banco dá a possibilidade de trocar a parte úmida por uma seca, graças a uma manivela ao lado.



3. Humanos como luminárias

Ao celebrar os Jogos Olímpicos ou a Copa do Mundo, as cidades investem muito em infraestrutura que, quando terminadas as celebrações, se tornam subutilizadas. No entanto, esse não é o caso destas luminárias públicas instaladas na cidade de Mudanjiang, na China, para os Jogos Olímpicos de 2008. Algumas delas têm posições semelhantes à de atletas, porém são mais altas e podem ser avistadas de longe.



4. Três bancos esculpidos em um tronco

Um tronco de árvore pode fornecer muito mais opções de apropriação do que se pode pensar à primeira vista. Por exemplo, David Long e Antoine Morris esculpiram em um tronco três “nichos” que servem de assentos. Em seguida, revestiram estas cavidades com um tecido vermelho utilizado em assentos de motocicletas e, para não remover completamente o visual rústico, pintaram o tronco branco. 



5. “Koru Rack”: Estacionamento para bicicletas

Estacionar uma bicicleta na rua pode se tornar uma tarefa difícil se levarmos em conta que não existem muitos bicicletários públicos. Assim, árvores, bancos ou qualquer coisa é um bicicletário em potencial. Justamente para resolver este problema de falta de locais apropriados para se estacionar as bicicletas, o designer Jonathan Hall, vencedor da proposta do Concurso Bike Rack Awesome, criou um bicicletário que se assemelha a uma grande samambaia. Dependendo do local onde se instala e o número potencial de ciclistas que o utilizam, é possível acoplá-lo a outros “Koru Rack” que se encaixam em uma sequencia. 



6. Lixeiras invisíveis

Ninguém gosta de ver uma lixeira cheia, transbordando ou exalando maus odores, porém, não é possível escondê-la. Para isso o estúdio eslovaco de arquitetura 2kA teve a ideia de cobrir as típicas lixeiras com espelhos para refletir o seu entorno e “disfarçá-las”. Enquanto as lixeiras se camuflam na grama, podem ser identificadas pelos reflexos e pela sombra projetada no solo. 



7. Um banco em forma de flor

Sentar-se em uma flor certamente não é algo que fazemos todos os dias. No entanto, Naho Designs criou uma estrutura que permite que as pessoas se sentem sobre as pétalas de uma flor gigante. Instalada em parques, chama muita atenção pela sua cor rosa que contrasta com a grama e é bastante incomum em mobiliário urbano. Sua escala oferece um assento confortável para as pessoas, tanto em suas pétalas quanto em seu interior. 



8. “Margarida”: Uma flor bicicletário

Com a ideia de que a natureza deve estar presente no ambiente urbano, esta margarida procura dar mais cor às cidades. Projetada pelo escritório YHY, ela serve como um bicicletário que emerge do solo, permitindo que as pessoas estacionem suas bicicletas entre as pétalas, que também se movem para melhor apoiar as bicicletas



9. “Bend Banch”: 4 funções em um mesmo banco

Desenhado por Attila Jones, o banco muda sua posição para permitir que as pessoas escolham a vista que querem ter enquanto descansam. Isto é possível pois ele pode ser rotacionado verticalmente ou horizontalmente, já que os bancos estão conectados entre si. Além disso, para incentivar momentos de interação, cada banco oferece a opção de formar um círculo com os demais, para que todos possam sentar-se frente a frente.



No caso de todas as partes do banco estarem ocupadas, os encostos se estendem para trás, dando lugar a um novo assento. Os bancos foram desenhados para oferecer, em uma mesma estrutura, proteção contra as intempéries e um local confortável de descanso. Embora ainda não tenha sido construído, o “Bend Banch” é uma proposta multifuncional de mobiliário urbano cinético.




10. “The Fresh Chair”: Frescor para o verão

À primeira vista, “The Fresh Chair”, ou Cadeira Fresca, é uma proposta futurista que parece complicada demais para ser incorporada às ruas, mas, sem dúvidas, é interessante conhecê-la. Ela oferece um lugar para descanso em forma de guarda-chuva. Através do disco superior, a cadeira absorve energia solar e a emite durante a noite através de luzes LED. Para as tardes quentes de verão, a cadeira cria um ambiente refrescante expelindo uma espécie de orvalho.
Com estes exemplos, fica claro que não existe razão para que o mobiliário urbano seja sem graça, aliás, é justamente o contrário, quando se mescla um desenho original com a funcionalidade, cria-se uma obra de arte urbana que contribui para tornar o cotidiano da cidade mais interessante e lúdico.

Fonte: Archdaily

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s